Corrente Solidária: doações serão destinadas para projeto na África

A Pontifícia Obra da Propagação da Fé e suas atividades em todo o Brasil unem-se em um projeto poderoso e inspirador: a Corrente Solidária. Nascido da chama ardente de amor ao próximo e da colaboração missionária, a Corrente Solidária quer estender a mão a comunidades carentes e distantes, em projetos missionários além-fronteiras, levando não apenas assistência material, mas principalmente esperança e fé.

Em 2024, a Corrente Solidária vai enviar suas doações para o projeto das Irmãs Missionárias de Maria (Xaverianas), na cidade de Berem, na República do Chade, país do continente Africano. O projeto missionário está inserido na realidade local e busca promover o desenvolvimento humano e sustentável através da participação e envolvimento direto da população, em uma realidade onde o serviço do Estado é precário ou inexistente.

Uma história de solidariedade
A essência do projeto reside na união de corações e mentes, desde os mais jovens até os mais experientes, em um compromisso comum de servir e amar. A Corrente Solidária é um ação da POPF, por meio de suas atividades Juventude Missionária (JM), Famílias Missionárias (FM) e Idosos e Enfermos Missionários (IEM). A juventude desempenha um papel central neste projeto, não apenas como beneficiária, mas como protagonista ativa da transformação. A Juventude Missionária, com sua energia, criatividade e paixão pela justiça social, traz um novo vigor à missão da Propagação da Fé, renovando-a e adaptando-a aos desafios do mundo contemporâneo.

A Corrente Solidária teve início através da articulação da Juventude Missionária do Brasil, que nos recorda a iniciativa da fundadora da Obra da Propagação da Fé, a beata Pauline Marie Jaricot. Mesmo não podendo ir à missão além-fronteiras, Paulina organizou um grupo de operárias francesas que colaboravam com uma doação mensal para as missões e a oração diária, sempre com o espírito da universalidade.

Em 2023 as doações tiveram aumento de 74% 
O projeto se destina a colaborar com realidades de periferias, que contam com a presença de missionários e missionárias. Acontece através de doações que são fruto do sacrifício pessoal e comunitário, em comunhão com as atividades da Pontifícia Obra da Propagação da Fé. Em 2023, a Corrente Solidaria arrecadou o valor em doações de R$ 11.874,46, um aumento de 74% em relação à 2022, que arrecadou um total de R$ 6.803,14. Em 2023, a Corrente Solidária enviou recursos para o projeto Oratório Raio de Sol, que atende crianças e adolescentes na Diocese de Primavera do Leste-Paranatinga (MT). Em 2022, foi destinado para o projeto social “Abrindo Horizontes”, organizado pela comunidade FMA em Cacuaco, cidade da província de Luanda em Angola, no Continente Africano.

Cada doação, cada gesto de solidariedade, cada oração, torna-se um elo nessa corrente, que une pessoas de diferentes culturas, origens e circunstâncias em um só propósito: construir um mundo mais justo, mais fraterno e mais humano. A Corrente Solidária é mais do que um projeto; é uma expressão viva do amor de Deus manifestado através da ação humana. É um convite para que cada um de nós, onde quer que estejamos, nos juntemos a essa corrente de amor e esperança, e nos tornemos instrumentos da paz e da justiça no mundo.

Doações podem ser realizadas para a conta das Pontifícias Obras Missionárias:
Banco do Brasil
Agência: 3413-4
Conta Corrente: 170703-5

PIX (chave celular) 61 999792022
CNPJ 506684410001-34

 

 

 

Outras notícias